O dia em que Marcos deixou o Palmeiras… e voltou

O dia em que Marcos deixou o Palmeiras… e voltou

Edmundo Leite

05 Janeiro 2012 | 12h16

O Estado de S.Paulo – 22/01/2003

Muita gente não se lembra, mas a relação da agora aposentado Marcos com o Palmeiras já esteve perto de um final. Em 2003, poucos meses após a consagração mundial como pentacampeão na Copa do Mundo, o goleiro foi vendido para o Arsenal, da Inglaterra, por US$ 4 milhões.  Estava tudo certo entre os clubes, mas Marcos não fechou com os ingleses: “O maior empecilho fui eu”.

O Estado de S.Paulo – 25/01/2003

Três anos depois, Corinthians, Santos e Cruzeiro queriam o goleiro

O Estado de S.Paulo – 25/01/2005

# Marcos: o início da santidade

Siga o Arquivo Estadão: Twitter@arquivo_estadao e Facebook/arquivoestadao