Idosos temem o fechamento do CRECI localizado no Vale do Anhangabaú
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Idosos temem o fechamento do CRECI localizado no Vale do Anhangabaú

Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social garante que as atividades não serão encerradas

Renata Okumura

28 Fevereiro 2018 | 11h04

SÃO PAULO – Localizado na Rua Formosa, no Vale do Anhangabaú, na região central da cidade, o Centro de Referência da Cidadania do Idoso (CRECI) oferece atividades físicas, cursos e até bailes para pessoas acima de 60 anos. No entanto, o público está receoso com a possibilidade de fechamento do espaço que fica embaixo do Viaduto do Chá.

“O local atrai usuários de todas as regiões da cidade, e até de outros municípios, pelo fato de estar na região central, sendo referência para a população idosa. Queremos que seja mantido o espaço de encontro, de estar e de convívio para idosos. Pedimos ainda a promoção de oportunidades de acesso ao lazer e a cultura”, destacou Vera Oliveira.

Centro de Referência da Cidadania do Idoso Foto: Renata Okumura

A aposentada Maria dos Santos também costuma participar das atividades oferecidas pelo CRECI. Ela ressalta que é cada vez mais importante investir em atividades recreativas para idosos. “Além das atividades físicas que ajudam a prevenir doenças, também conhecemos muitas pessoas. O convívio social é muito bom”, reforçou.

O espaço oferece atividades para grandes grupos. “Tem o anfiteatro, o telecentro, a área de jogos, cinema, bailes, festas típicas, informática, oficinas, debates, rodas de conversas, plantão previdenciário, psicólogo e assistência social”, defendeu Vera.

A Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social esclarece que o CRECI não encerrará suas atividades em fevereiro e que nunca cogitou esta possibilidade. De acordo com a pasta, a ONG que presta serviço no local está no fim do prazo do convênio com a Prefeitura de São Paulo e necessita de adequações para continuar operando.

Espaço localizado no Vale do Anhangabaú Foto: Renata Okumura

“A secretaria informa também que após instaurar uma comissão formada por usuários e profissionais do serviço, com apresentação de ideias de melhorias no atendimento realizado, o gabinete em conjunto com a equipe técnica, concluiu que, além da permanência no local, serão implantados dois núcleos de convivências de idosos que contemplam o atendimento residencial. O Centro de Referência passará por adequações para atendimento às normativas da tipificação nacional de serviços socioassistenciais, mas continuará ofertando melhoria da condição de sociabilidade de idosos e redução e prevenção de situações de isolamento e de institucionalização”, finalizou a nota.

Quer compartilhar alguma reclamação em seu bairro? Mande seu relato por WhatsApp (11) 9-7069-8639 ou para o email blitzestadao@estadao.com.

Mais conteúdo sobre:

CreciAnhangabaúReceioFechamento