Infiltração e resto de asfalto ocupam calçada na zona oeste de SP
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Infiltração e resto de asfalto ocupam calçada na zona oeste de SP

Moradores também reclamam que o muro de um terreno abandonado está desmoronando e pode provocar acidentes

Renata Okumura

17 Maio 2017 | 17h46

SÃO PAULO – A presença de asfalto e água parada em cima da calçada localizada na Rua Ministro Godói, em Perdizes, na zona oeste da cidade, dificulta a rotina dos moradores. A reportagem da ‘Blitz Estadão’ também constatou que parte do muro de um terreno desabou em cima da calçada. Parte da terra é segurada apenas por um galho de árvore.

Asfalto e água parada em cima de calçada atrapalham a passagem de pedestres (Foto: Renata Okumura)

A atendente Inês Andrade caminha pela rua, mesmo com o risco de ser atropelada. “Tem muito lixo em cima da calçada. O descaso é grande. Preciso desviar do resto de asfalto. E o cheiro forte é insuportável. Tenho que andar pela rua com risco de ser atropelada porque é impossível andar pela calçada”, destacou.

Solange Virgílio mora na região há 40 anos e relata o medo de contrair doenças. “A água parada pode provocar doenças e o lixo pode influenciar para o surgimento de ratos também. Está cheio de sujeira e tenho que andar nesta calçada para pegar o ônibus na Avenida Sumaré. Além disso, outro dia caiu toda a barreira. É perigoso”, reclamou.

Moradora Solange Virgílio reclama do mal cheiro e de lixo em cima de calçada (Foto: Renata Okumura)

A Prefeitura Regional Lapa informa que o local será vistoriado. “Vamos avaliar as condições do muro. Vale ressaltar ainda que o serviço de varrição é diário, sendo que a próxima limpeza já está na programação de atividades”, esclareceu a nota.

Quer compartilhar alguma reclamação em seu bairro? Mande seu relato por WhatsApp (11) 9-7069-8639 ou para o email blitzestadao@estadao.com.

Mais conteúdo sobre:

Perdizescalçadaqueixa