Parques municipais estão sem serviços de manejo e de manutenção
As informações e opinões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Parques municipais estão sem serviços de manejo e de manutenção

Secretaria do Verde e do Meio Ambiente informa que ações em parceria com a Prefeitura Regional da Penha e uma força-tarefa minimizam transtornos no Parque Linear Tiquatira

Renata Okumura

12 Julho 2017 | 13h53

SÃO PAULO – Quem frequenta o Parque Linear Tiquatira na Avenida Governador Carvalho Pinto, na Vila São Geraldo, na zona leste da capital paulista, reclama do excesso de entulho e matagal que encobre a área de lazer. A reportagem da Blitz Estadão esteve no local e constatou que há muito lixo nas pontes que ficam dentro do parque. Além disso, moradores de rua também estão acampados nos arredores.

Frequentadores reclamam de abandono (Foto: Renata Okumura)

O Tiquatira é considerado o primeiro parque linear da cidade, porque foi construído às margens do rio de mesmo nome, para ajudar na preservação do leito. No entanto, frequentadores estão insatisfeitos com o estado de abandono. “O mato está muito alto. Antigamente cuidavam mais. Tinham quinze bancos, mas foram arrancados por moradores de rua”, lamentou Maria das Neves que faz caminhada há dez anos no parque.

Moradores de rua no Parque Linear Tiquatira (Foto: Renata Okumura)

Confira vídeo abaixo:

Apesar de ter muito lixo espalhado pelo chão, Nilda Gomes leva uma sacolinha plástica no passeio com a sua cachorrinha Meg. “Eu recolho o cocô dela. Faço minha parte. Mas veja quanto entulho há no parque. O matagal não para de crescer também. Dá medo passar aqui à noite. Um parque tão bonito, mas que está abandonado”, lamentou.

População reclama de matagal no Parque Linear Tiquatira (Foto: Renata Okumura)

A Secretaria do Verde e do Meio Ambiente (SVMA) informa que o processo de licitação para a contratação de serviços de manejo e manutenção em todos os parques municipais está em andamento e com essa etapa resolvida, as novas equipes serão contratadas. Ao todo, há dez licitações em andamento, mas não há previsão para que o processo seja finalizado. “Ações em parceria com a Prefeitura Regional da Penha e uma força-tarefa procuram minimizar os problemas do Parque Tiquatira, que tem sido roçado gradativamente. Já a Guarda Civil Metropolitana (GCM) e os vigilantes da área prestam todo o suporte e apoio em rondas frequentes para evitar mais problemas à área e à população do entorno”, finaliza a nota.

Quer compartilhar alguma reclamação em seu bairro? Mande seu relato por WhatsApp (11) 9-7069-8639 ou para o email blitzestadao@estadao.com.

Mais conteúdo sobre:

ParquesTiquatiraAbandono
0 Comentários