Polícia Militar realiza ‘operação pancadão’ em Paraisópolis
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Polícia Militar realiza ‘operação pancadão’ em Paraisópolis

Moradores do Morumbi reclamam do uso de drogas e poluição sonora nas proximidades da comunidade

Renata Okumura

09 Abril 2018 | 12h18

SÃO PAULO – A poluição sonora e o consumo de drogas estão entre as principais queixas de quem mora nas proximidades da Favela de Paraisópolis, na zona sul da cidade.

Moradores da Fazenda Morumbi, bairro vizinho da comunidade, reclamam do barulho em dias da semana. “Um dia eu saí de casa para descobrir de onde vinha o som alto. Cheguei na Favela Paraisópolis. Eu vi um carro com o porta-malas aberto. Neste dia, o barulho passou das 11 horas da noite. Não há espaço para os jovens da comunidade fazerem festas sem que o barulho atrapalhe. E agora, tem festas praticamente todos os dias”, reclamou um morador da região, há 10 anos, que preferiu manter o anonimato.

Entrada da Favela de Paraisópolis, na zona sul Foto: Renata Okumura

Não somente moradores de bairros vizinhos, mas também a própria população da Favela de Paraisópolis se sente incomodada. “Eu acordo de madrugada para ir trabalhar e não tem momento de sossego mesmo nos dias da semana. Também me preocupo com o consumo de drogas”, relata moradora.

No fim de semana, a Polícia Militar realizou a operação pancadão, na região da comunidade de Paraisópolis. Ao longo da ação, foram apreendidos diversos veículos, além de drogas, armas, explosivos e outros objetos.

PM apreendeu 45,6 quilos de maconha, 15 quilos de cocaína, além de armas e explosivos Foto: SSP

A operação foi realizada com o objetivo de garantir a liberdade de ir e vir do cidadão e impedir a perturbação de sossego. Durante as atividades de campo, 634 pessoas e 232 condutores foram abordados e 232 veículos, entre carros e motos, foram fiscalizados.

Como resultado, 10 carros e quatro motos foram removidos, 14 condutores autuados em flagrante, três Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) e oito Certificados de Licenciamento Anual (CLA) também foram apreendidos.

+++ Barulho e motoristas imprudentes tiram o sossego de moradores da zona sul

“Durante atuação pela Rua Ernest Renan, na Viela Passarinho, o 2º Pelotão do Canil Central localizou uma espingarda calibre 22, 10 simulacros de pistola, 19 cartuchos de emulsão, munições, carregadores, colete balístico e uma balaclava. Além dos objetos, também foram apreendidos 35 tijolos de maconha – totalizando 45,6 quilos da droga, um saco com 15 quilos de cocaína, dois galões e 138 fracos de lança perfume, uma balança de precisão, um cordel detonante e dois explosivos”, destacou a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP).

+++ Moradores criam abaixo-assinado para pedir segurança no Ipiranga

A ação foi coordenada pelo 16º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (BPM/M), com apoio do Comando de Policiamento de Trânsito (CPTran), Comando de Policiamento de Choque (CPChq), 4º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep).

Quer compartilhar alguma reclamação em seu bairro? Mande seu relato por WhatsApp (11) 9-7069-8639 ou para o email blitzestadao@estadao.com.