Gaviões empolga e faz apresentação tranquila

Estadão

06 Março 2011 | 06h51

[galeria id=280]

 

Escola mais esperada neste segundo dia do carnaval paulistano, a Gaviões da Fiel não decepcionou o público que esperou até as 5h10 da manhã para ver a agremiação do Bom Retiro desfilar. A Gaviões fez uma apresentação tranquila e empolgou o público. No final, foi impossível os passistas segurarem o grito de campeão.

O mesmo otimismo foi manifestado pelo presidente da agremiação Eduardo Fontes, o Pantchinho. “Com um monte de erro de quase todas as escolas, se esse nosso desfile não significar o título…”, disse. “Foi maravilhoso, todo mudo viu. Perfeito”, acrescentou.

A escola contou a historia de Dubai, fez menções aos arranha-céus e às riquezas “da pérola do Oriente”, entre elas, claro, o petróleo. As alas abusaram das coreografias, enquanto nas arquibancadas o público fez sua parte: agitou bandeirinhas, acendeu sinalizadores e cantou o samba enredo junto com a escola.


Quatro vezes campeão do Grupo Especial do carnaval paulistano (1995, 1999, 2002 e 2003) e duas vezes vice (1994 e 2000), a Gaviões levou à avenida 3.800 integrantes, divididos em 26 alas e cinco carros alegóricos. Com investimentos de R$ 2,5 milhões, trouxe Sabrina Sato pelo segundo ano consecutivo como madrinha de bateria. (Wladimir D’Andrade)

Confira o samba-enredo da Gaviões da Fiel:

A lua brilhou no céu do Oriente

fez da lágrima semente

tesouro no azul do mar

história de um reino encantado

nessa viagem vem comigo desvendar

um rei iluminado

abre os caminhos do amanhã

semeia em solo sagrado

o desejo de um novo eldorado

dos povos herdaram culturas

formando a nação

De carona pra folia vem ver

a cidade do futuro vai passar

embala meu sonho pra realidade

o combustível da modernidade

Com a bênção do criador

o homem emoldurou a natureza

o progresso despontou

o mundo veio tantas belezas

sou mercador da alegria, investi na magia

no portal da felicidade

em cena um festival de emoção

cultura, do ouro a riqueza

no esporte encontrei minha paixão

e o sonho não vai acabar

meus filhos vão colher

e o meu maior tesouro é você

Corre sangue gavião na veia

faz meu coração pulsar

hoje Dubai é alvinegra

e a Fiel vai te exaltar

Mais conteúdo sobre:

Gaviões da FielSão Paulo