Jogadores de futebol curtem festa em SP

Estadão

06 Março 2011 | 05h04

Com o fim da 11ª rodada do Paulistão, muitos jogadores de futebol aproveitam a folga para curtir a segunda noite de desfiles do carnaval paulistano. Ao menos dez atletas dos três grandes clubes da capital curtiam o desfile da Unidos de Vila Maria no Camarote do Bar Brahma, no sambódromo do Anhembi.

Os jogadores do Corinthians têm ainda mais um motivo para a festa: a liderança alcançada no campeonato. O time venceu o Linense ontem por 2 a 0, e com o empate do Mirassol lidera o torneio. Agora, os jogadores torcem pela escola Gaviões da Fiel, que será a penúltima agremiação a desfilar na passarela. “A liderança dá tranquilidade para a gente, vamos torcer para que a Gaviões ganhe o carnaval e a gente o Paulistão”, disse o meia Bruno César. No entanto, o horário do desfile da escola é um empecilho para Alessandro, lateral direito do time do Parque São Jorge. “É muito tarde, não acho que vá dar para ver”, afirmou.

Outro jogador que tem mais do que motivos para comemorar é a revelação do São Paulo, Lucas. O meia, de 19 anos, depois de boas atuações pela seleção brasileira Sub-20, foi convocado esta semana por Mano Menezes para integrar a seleção principal de futebol do País, que vai fazer um amistoso contra a Escócia, no próximo dia 27, em Londres. “Estou muito feliz, está tudo dando certo e comecei o ano com o pé direito”. Lucas disse que é a primeira vez que vai ao sambódromo para o carnaval e que está gostando da festa. “Agora é aproveitar o carnaval e a vitória”, disse, fazendo referência ao jogo de ontem em que o clube do Morumbi bateu o São Caetano por 2 a 0.

Pelo Palmeiras, o meia Valdivia participa pela segunda vez da festa no Anhembi. “É sempre uma novidade, o carnaval é uma festa universal. No Brasil todo mundo gosta de carnaval e futebol. É demais”, disse. O clube de Parque Antártica empatou no Pacaembu com o lanterna Santo André. Também estavam no camarote os jogadores Miranda, Fernandão e Henrique, do São Paulo, Chicão (Corinthians), Kleber, Everton e Marcos Assumpção (Palmeiras), Gil e o ex-goleiro Zetti. (Wladimir D’Andrade)

Mais conteúdo sobre:

São PauloSão Paulo