Balanços e Projeções #8: Balanço da área cultural em 2017
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Balanços e Projeções #8: Balanço da área cultural em 2017

Gustavo Lopes Alves

04 Janeiro 2018 | 06h01

Edição desta quinta-feira, 04, dá sequência à série especial com balanços sobre o ano de 2017 e projeções para 2018. São entrevistas e debates nas mais diversas áreas de cobertura: política, economia, cultura, segurança pública… Programa faz um balanço dos principais acontecimentos na área cultural em 2017. O ano já começou com uma gafe na entrega do Oscar de Melhor Filme pela Academia de Hollywood. Mas 2017 foi também um ano de revelações de casos de assédio sexual envolvendo nomes de peso no cinema, na frente e atrás das câmeras. Uma onda de indignação gerou debates que podem influenciar a premiação do Oscar em 2018. E fica uma dúvida: uma obra pode ser prejudicada por alguma má ação de um de seus participantes? No Brasil, o filme Vazante, de Daniela Thomas, foi alvo de críticas ao tratar do tema da escravidão. Ouça no player abaixo:

O ano de 2017 também ficou marcado por um debate, muitas vezes sem aprofundamento no ambiente agressivo das redes sociais, sobre os limites da arte e da liberdade de expressão. Temas como sexualidade e censura fizeram parte das polêmicas. E o financiamento público da arte foi outro ponto de discussão, com mudanças na Lei Rouanet pelo Ministério da Cultura.

Para analisar os principais assuntos da cultura em 2017, convidamos o jornalista Ubiratan Brasil, editor do Caderno 2 do Estadão. No balanço, entram ainda o Nobel de Literatura, o mercado editorial brasileiro e grandes perdas do ano, entre elas as mortes de Jerry Lewis, Roger Moore, Adam West, Chuck Berry, Kid Vinil, Jerry Adriani, Belchior, Luiz Melodia, Nelson Xavier e Paulo Silvino.
Você pode participar com sugestões e comentários em nossa produção de podcasts. Aguardamos o seu e-mail no seguinte endereço: podcast@estadao.com

AGORA ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão acabam de ganhar um novo canal de distribuição: o serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta se logar na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de buscas o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!
O ‘Estadão Notícias’ é um dos poucos podcasts disponibilizados na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de buscas. Ou pode clicar diretamente neste link.

REUTERS/Lucy Nicholson