‘Estadão Notícias’: Exército em favela significa “férias” para bandidos, diz Jungmann
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Estadão Notícias’: Exército em favela significa “férias” para bandidos, diz Jungmann

Camila Tuchlinski

18 Outubro 2017 | 06h12

Numa entrevista exclusiva, Raul Jungmann destacou que a estratégia adotada agora é de reforço nos serviços de inteligência e de apoio às operações das polícias Civil e Militar e cobra outras ações por parte do governo estadual. O ministro também foi questionado sobre temas políticos do momento, como a radicalização de quem aponta uma solução militar contra a corrupção. Raul Jungmann ainda destacou que “discutir a relação” é a saída para contornar problemas entre o presidente Michel Temer e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia.
Ouça no player abaixo.
Confira também a participação do correspondente na Suíça, Jamil Chade, que traz um trecho de uma entrevista exclusiva com a ex-procuradora-geral da Venezuela Luísa Ortega, que denuncia casos de corrupção no governo de Nicolás Maduro. E ainda: a análise política de José Nêumanne Pinto, na coluna “Direto ao Assunto”.
Para participar do programa com seu comentário ou sugestão, você pode mandar um email para: podcast@estadao.com
OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY! 

O ‘Estadão Notícias’ é um dos poucos podcasts disponibilizados na plataforma de streaming Spotify (conhecida pelo acervo musical). Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de buscas. Ou pode clicar diretamente neste link.

Ministro da Defesa, Raul Jungmann. (Foto: Fabio Motta/ESTADÃO)