Estadão Notícias: Formar um ministério de notáveis é quase impossível com a cobrança do ‘Centrão’, avalia especialista
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Estadão Notícias: Formar um ministério de notáveis é quase impossível com a cobrança do ‘Centrão’, avalia especialista

Gustavo Lopes Alves

05 Janeiro 2018 | 06h00

Edição desta sexta-feira, 05, fala sobre a “debandada” de ministros do governo Michel Temer. Nos últimos dias, dois titulares de pastas pediram demissão: Ronaldo Nogueira (PTB-RS), do Trabalho, e Marcos Pereira (PRB-SP), da Indústria e Comércio. Quem também já comunicou a saída, mas não deu data para que isso aconteça, foi o ministro da Saúde Ricardo Barros (PP-PR). O motivo seria a pretensão de disputarem o pleito de 2018. Para isso, todos que quiserem se candidatar para um cargo, no legislativo ou executivo, devem deixar a pasta até 7 de abril. A previsão é de que outros ministros tomem o mesmo caminho e se desliguem do governo. Para o professor de políticas públicas da Fundação Getúlio Vargas, Eduardo Grin, mesmo com dificuldades em achar um nome, o “Centrão” vai exigir que nomes dos partidos que compõem o grupo assumam os ministérios. Ouça no player abaixo:

Ainda nesta edição, o prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) afirma, em entrevista à Rádio Eldorado, que sua intenção é permanecer no comando da cidade e descartou, por ora, uma candidatura ao governo do Estado. Alguns membros do PSDB defendem o nome de Doria como sendo de consenso no partido. Além disso, ele fala sobre a polêmica que se criou com a homenagem a ex-primeira dama Marisa Letícia, que deu nome a um viaduto na capital paulista. Para Doria, a esposa do ex-presidente Lula “não fez por merecer” a homenagem.

Você pode participar com sugestões e comentários em nossa produção de podcasts. Aguardamos o seu e-mail no seguinte endereço: podcast@estadao.com

AGORA ESTAMOS DISPONÍVEIS NA DEEZER!
Os podcasts do Estadão acabam de ganhar um novo canal de distribuição: o serviço de streaming Deezer. Para ouvir, basta se logar na plataforma. Uma vez logado, é só colocar no campo de buscas o nome do programa (“Estadão Notícias”) que você terá acesso imediato a todo nosso histórico de publicações. Você também pode acessar diretamente clicando neste link.

OUÇA TAMBÉM NO SPOTIFY!
O ‘Estadão Notícias’ é um dos poucos podcasts disponibilizados na plataforma de streaming Spotify. Para acessá-lo e passar a segui-lo, basta digitar o nome do programa (“Estadão Notícias”) no campo de buscas. Ou pode clicar diretamente neste link.

AFP PHOTO / EVARISTO SA