Estudante que ficou 90 dias sem internet ou celular diz ter redescoberto o romance

Estudante que ficou 90 dias sem internet ou celular diz ter redescoberto o romance

Gabriel Pinheiro

31 Janeiro 2012 | 18h21

Se meia hora sem internet já deixa muita gente maluca, o que dizer de 90 dias sem e-mail, mensagem de texto ou qualquer outra rede social? Pois foi isso que um estudante – confesso viciado em Twitter e Facebook – se propôs a fazer. Jake Reilly, de 24 anos, ficou desconectado, voluntariamente, de qualquer tipo de conveniência eletrônica para ver a vida com, digamos, outros olhos. De outubro a dezembro o rapaz sequer atendeu o celular. Da experiência, ele concluiu que:

1 – Amigos que ele considerava íntimos no Facebook não são tão íntimos assim

2 – Ficar longe das redes sociais pode significar um upgrade na vida amorosa

3 – Pessoas geralmente não entendem quem não usa recursos tecnológicos para se comunicar

4 – Andar de bicicleta pode ser uma experiência extremamente prazerosa

5 – Jogar fora da internet também pode expandir a mente

E você, conseguiria ficar tanto tempo longe do computador?

(Via Yahoo! )