Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Brasil

Brasil » Games devem ficar até 45% mais baratos no BR, defende projeto de lei

Brasil

Games devem ficar até 45% mais baratos no BR, defende projeto de lei

Gabriel Pinheiro

08 Dezembro 2011 | 22h42

Uma proposta de incentivos aos produtos de informática, aprovada na semana passada pela Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmera dos Deputados, estende os benefícios fiscais ao setor de games. Com a redução no IPI e outros impostos previstos na Lei de Informática, os jogos podem ficar até 45% mais baratos, informa o portal Uol.

A redução no preço final ao consumidor seria possível também graças a redução a zero das alíquotas de PIS e Cofins incidentes sobre a importação de games, que encarece os produtos: hoje, um jogo original no Brasil sai por até R$ 199. Mas, apesar da medida já ter sido aprovada por uma primeira comissão, ainda é preciso que ela passe por mais duas: de Finanças e Tributação e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Mais conteúdo sobre: