Era só o que faltava

Era só o que faltava

Tutty Vasques

01 Outubro 2007 | 21h32

ilustração pojucan

Pela primeira vez em sua história, o “Jornal Nacional” começou com uma Marta e acabou com outra na edição de segunda-feira.

Abriu com a ministra em cadeia nacional e terminou com uma homenagem à atacante.

É mais um duro golpe da imprensa burguesa contra o governo Lula.