O feeling em pessoa

Tutty Vasques

19 Novembro 2009 | 02h01

O ministro Celso Amorim está otimista.

Mahmoud Ahmadinejad pode muito bem comer algo que lhe faça mal no almoço de amanhã ou – sei lá! – sentir a panturrilha horas antes do embargue para o Brasil, o certo é que o chanceler pressente que ele não vem.

Seria tão bom, né?