Tutty Vasques

29 Junho 2014 | 00h03

A julgar pelo fiasco na Copa – fez apenas dois gols em três jogos –, a Rússia deve ter deixado seu ataque de prontidão na fronteira com a Crimeia!