Perdeu, mané!

Tutty Vasques

27 Novembro 2009 | 05h38

reprodução

reprodução

Ainda que ninguém em Brasília tenha se aproveitado da confusão sobre as receitas dos royalties do pré-sal para passar a perna ou meter a mão no bolso de Sérgio Cabral, o governador sentiu, enfim, a sensação desagradável de estar sendo roubado diante de todos, sem que nenhuma autoridade tome providências legais a respeito, uma velha queixa do carioca.