RETROSPECTIVA (III)

Tutty Vasques

29 Dezembro 2012 | 00h20

Fatos irrelevantes que marcaram 2012

ilustração pojucanLuiza foi pro Canadá e pagou R$ 13 por um pão com queijo em voo da Gol;

• José Serra ganhou pelo menos dois beijos na boca em campanha para prefeito;

• Mário de Andrade atingiu, enfim, a marca da milésima carta publicada em livros;

• Roubaram o vestido de noiva de Amy Winehouse;

• O apagão foi mais frequente em Brasília que a maioria dos deputados e senadores no Congresso;

• Aécio Neves não quis comentar notícia sobre filhote de tucano encontrado sem rumo no Leblon;

• Como se não bastasse a Black Friday, o Brasil macaqueou a Cyber Monday do calendário comercial americano;

• Maria Sharapova deu um toco no jogador de basquete esloveno com quem iria se casar em novembro, na Turquia;

• Foi também para o vinagre o casamento rastafári de Isabeli Fontana com o filho de Bob Marley na Igreja Ortodoxa Etíope;

• O ex-campeão mundial de xadrez Gary Kasparov foi detido em Moscou depois de morder o dedo de um policial;

• Pode ter pesado na separação matrimonial de Ronaldo Fenômeno a restrição alimentar dos últimos três meses dele no quadro ‘Medida Certa’, do ‘Fantástico’. O Fenômeno passou este tempo todo não comendo praticamente nada!

• João Gilberto não gostou de ser chamado de neurótico em sua biografia;

• Sempre à frente de seu tempo, Tupã (435 km de São Paulo) promoveu a primeira União Poliafetiva do Brasil;

• A ministra Anna de Hollanda caiu de madura;

• Luciano Huck botou Mike Tyson e Pamela Anderson cantando ‘Garota de Ipanema’ em seu programa de TV. Acabou sendo pego pela Lei Seca;

• O primeiro aniversário do movimento Ocupe Wall Street juntou menos gente em NY que a maioria dos protestos de passageiros de trem em SP;

• O japonesinho que arrematou a virgindade da brasileira Catarina Migliorini em leilão na internet não chegou a bater o martelo!

• A crise na polícia de SP foi maior que na BBC de Londres? Há controvérsias!

FRASES DE 2012

reprodução“Se José Genoino cair no rio Pinheiros, é capaz de purificá-lo em dez minutos, dada sua pureza!” (Vicente Cândido, deputado);

“Não existe bumbum igual ao nosso!” (Dani Sperle, brasileira eleita Miss Bumbum Internacional, em Miami);

“Me pegaram para Zé Dirceu do Vaticano!” (Paolo Gabriele, ex-mordomo do papa Bento 16);

“Não lembro sequer o que é uma dor de cabeça!” (Fidel Castro);

“Tem horas que eu fico tatibitate!” (Dilma Rousseff, discursando em Salvador);

“Este Sandy é júnior!” (turista brasileiro em NY, desdenhando o furacão com nome de cantora);

“Quem não quer pressão que vá trabalhar no Banco do Brasil!” (Felipão);

“O Luiz Inácio que vocês estão procurando é outro!” (Luís Inácio Adams, advogado-geral da União);

“Repercutiu é?” (Luis Fernando Verissimo, ao saber do noticiário sobre seu estado de saúde);

“A fila andou!” (José Sarney, no velório de Oscar Niemeyer);

“Thank you Ecuador!” (Mensagem de agradecimento pela concessão de asilo político a Julian Assange, fundador do site WikiLeaks).