1. Usuário
Assine o Estadão
assine


As informações e opiniões expressas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Pesquisa reúne dados sobre cidadãos que se tornaram pessoas com deficiência por causa de acidentes de trânsito

Luiz Alexandre Souza Ventura

05 outubro 2012 | 07:01

Curta Facebook.com/VencerLimites
Siga @LexVentura
Mande mensagem para blogvencerlimites@gmail.com
O que você precisa saber sobre pessoas com deficiência

Uma pesquisa inédita realizada em parceria pelo Instituto Brasileiro dos Direitos da Pessoa com Deficiência (IBDD) e a Associated Press pretende reunir dados sobre cidadãos que se tornaram pessoas com deficiência por causa de acidentes de trânsito.

“Traumas e lesões decorrentes da violência no trânsito são umas das principais causas de deficiência – e de mortes – no Brasil. Em dez anos, entre 2001 e 2011, o número de vítimas com invalidez permanente aumentou mais de vinte vezes, passando de 11 mil para 239 mil, segundo os dados do DPVAT, seguro obrigatório pago pelos proprietários dos veículos, responsável pela cobertura às vítimas dos acidentes”, informa o IBDD.

A presidente do instituto, Teresa Amaral, afirma que o País precisa de políticas públicas consistentes de prevenção de deficiências. “A obrigatoriedade da adoção de itens de segurança básicos para todos os tipos de carro é indispensável. Medidas impostas pela Lei Seca fazem sua parte e provam que é possível mudar”.

De acordo com dados da Clínica de Lesão Medular da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD), acidentes de trânsito são a causa de 40% dos casos de paraplegia e tetraplegia.

Quem tiver interesse em participar do estudo deve enviar para os e-mails impresa@ibdd.org.br e bbrooks@ap.org as seguintes informações:

- Nome
- Idade
- Ano e local do acidente
- Descrição do caso
- Possíveis causas (falta ou falha em algum item de segurança)
- Tipos de sequelas provocadas
- Marca e ano de fabricação do carro (se possível)

As informações e opiniões expressas neste blog são de responsabilidade única do autor.