1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Adolescente é agredido no Carnaval de Ouro Preto

Flórence Couto / Especial para o Estado

04 Março 2014 | 15h 06

Rapaz foi internado na Santa Casa de Misericórdia de Ouro Preto, na madrugada dessa segunda-feira, 4

BELO HORIZONTE - Um adolescente de 17 anos foi internado na Santa Casa de Misericórdia de Ouro Preto, na madrugada dessa segunda-feira, 04, depois de ser agredido na Rua Conde de Borbadela, conhecida como Rua Direita. De acordo com o assessor de comunicação do 52º Batalhão da Polícia Militar da cidade histórica, capitão Paulo Henrique Cardoso, testemunhas disseram que o adolescente foi agredido por quatro homens. A PM ainda não sabe o que causou a agressão. O caso aconteceu por volta da meia-noite de segunda-feira. Quando os policiais militares chegaram ao local, o rapaz estava desacordado e sendo atendido pelo Corpo de Bombeiros. “A situação dele (do adolescente) é grave. Ele está seguindo para o CTI com possibilidades de que ele seja levado para Belo Horizonte”, afirmou o assessor de comunicação da PM. Os quatro suspeitos ainda não foram presos.

 

E por volta das 6h30 desta terça-feira, 5, três pessoas foram baleadas de raspão. O caso aconteceu na Rua São José, no centro de Ouro Preto. Segundo o capitão Paulo Henrique Cardoso, um homem negro com os cabelos pintados de rosa tentou roubar os óculos de um jovem de 21 anos. A vítima reagiu e o suspeito atirou duas vezes, acertando dois rapazes de 21 e 30 anos e uma mulher de 29 anos que estavam no local. Os três foram encaminhados para o hospital, mas passam bem. O suspeito, um adolescente de 17 anos, foi apreendido pouco tempo depois. Com ele foi apreendida a pistola calibre 21 com cinco munições intactas e duas deflagradas. Além disso, ele estava com 39 munições no bolso da bermuda.

 

Segundo o assessor de comunicação, a Polícia Militar recebeu um reforço de 80 policiais vindos de Belo Horizonte. Normalmente, há 25 policiais militares por turno na cidade histórica. O policiamento atende as cidades de Itabirito, Ouro Preto, Mariana e Diogo de Vasconcelos e o número de policiais é suficiente, segundo a PM.  “O Carnaval em Ouro Preto está bem tranquilo. Por coincidência tivemos esses dois casos nesta noite. Estamos focando mais nas apreensões de arma de fogo”, contou o assessor de comunicação.

Durante os dias de Carnaval foram apreendidas três armas de fogo na Região da cidade histórica, o que resultou na prisão de dois homens por porte ilegal. Uma apreensão foi a que estava com o menor que atirou na manhã de segunda-feira. Uma arma calibre 38 foi apreendida na Rua Direita, depois que a Polícia Militar recebeu uma denúncia. A outra arma foi encontrada com um rapaz em Itabirito.

  • Tags: