Ambulância atropela mulher e duas crianças em Salvador

Motorista da ambulância foge após o acidente; vítimas estão internadas em estado grave

Tiago Décimo, do Estadão,

22 Outubro 2007 | 12h39

Uma ambulância em alta velocidade atropelou uma mulher e duas crianças na noite de domingo, 21, em Salvador. A diarista Queila Silva dos Santos, de 28 anos, e duas meninas, uma de 6 - filha da diarista - e outra de 9 anos, continuavam internadas em estado grave na manhã desta segunda-feira, 22.   A ambulância socorria Nilza dos Santos, de 26 anos, que havia sido esfaqueada pouco antes. As vítimas foram encaminhadas ao Hospital Geral do Estado (HGE). Segundo testemunhas, o motorista da ambulância - que fugiu do local do acidente - não conseguiu fazer uma curva na Avenida Vasco da Gama, perdeu o controle do veículo e atravessou a pista.   Depois disso, ele derrubou o semáforo do cruzamento onde as vítimas esperavam para atravessar a avenida. Queila, que mora nas imediações do local, voltava de uma missa. Policiais investigam o paradeiro do motorista, que teria saído correndo do veículo logo depois do acidente.

Mais conteúdo sobre:
atropelamento ambulância

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.