Ao menos cinco morrem durante operação do Bope no Jacarezinho

Polícia diz que suspeitos morreram durante troca de tiros; PM se feriu ao ser atingido por estilhaços de granada

Solange Spigliatti e Marília Lopes, Central de Notícias

01 Março 2011 | 10h54

SÃO PAULO - Ao menos cinco pessoas morreram, cinco foram presas e um policial militar ficou ferido durante uma operação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar na favela de Jacarezinho, zona norte do Rio de Janeiro.

 

No início da ação houve troca de tiros entre os policiais e criminosos. Segundo a corporação, as vítimas são cinco suspeitos que morreram no local e um policial militar feriu a perna com estilhaços de granada. Ele foi encaminhado ao hospital da PM.

 

Segundo a assessoria da PM, a operação é de repreensão ao tráfico de drogas e visa apreender drogas e armas. O Bope informou que já houve apreensões de armas, mas ainda não foi contabilizada quantidade. Uma moto também foi apreendida.

 

Cerca de 150 policiais participaram da operação. A ocorrência foi registrada no 25º Distrito Policial.

 

Atualizado às 11h14 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.