1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Após ser atingido por raios, Cristo Redentor passa por reformas no Rio

Fábio Grellet - O Estado de S. Paulo

21 Janeiro 2014 | 16h 52

Pequenos danos serão reparados e monumento terá maior coroa de para-raios

RIO - A estátua do Cristo Redentor, na zona sul do Rio, começou nesta terça-feira, 21, a passar por uma reforma que vai restaurar pequenos danos causados por raios que atingiram o monumento e aumentar a abrangência dos para-raios de que o Cristo dispõe. A visitação não será interrompida, já que o trabalho será feito fora do horário de acesso público.

Foto: Levy Ribeiro/Brazil Photo Press

Durante um temporal que atingiu o Rio na última quinta-feira, 16, pelo menos um raio atingiu o Cristo e causou danos em um dos dedos da mão direita da estátua e em uma placa com informações históricas sobre o monumento. Outro dedo e a cabeça da estátua já apresentavam pequenos danos.

A reforma deve durar três semanas, vai custar R$ 1,9 milhão e será patrocinada pela fabricante de pneus Pirelli. Vinte operários que praticam rapel vão instalar pedras sabão nos locais danificados, além de ampliar o alcance dos para-raios.

Os captadores de raios, hoje concentrados no corpo da estátua, serão estendidos até a extremidade dos dedos. A coroa de para-raios também será aumentada, para proteger toda a extensão da cabeça.

Veja vídeo do momento em que um raio atingiu a mão do Cristo Redentor: