Auditora da Receita é morta dentro de casa em Recife

Jacira foi encontrada pelo marido; vítima apresentava marcas de espancamento por todo o corpo

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

20 Agosto 2008 | 05h39

Uma auditora da Receita Federal foi morta, por volta das 17 horas de terça-feira, 19, no interior de sua casa, na Avenida Afonso Olindense, no bairro da Várzea, na zona oeste da capital pernambucana.   Com marcas de espancamento por todo o corpo, ferimentos causados possivelmente por um pedaço de madeira, Jacira Dulce da Silva Xavier, 55 anos, foi encontrada morta pelo marido. O corpo estava no quarto do casal. O interior da imóvel apresentava sinais de que teria ocorrido uma luta corporal entre a vítima e o assassino. Muita coisa estava fora de lugar, segundo a polícia.   Não se sabe quantos eram os criminosos. Na fuga, eles abandonaram um Gol branco da Companhia de Eletricidade de Pernambuco (Celpe), roubado no início da tarde de terça-feira, segundo informou a Polícia Militar. Da auditora, foram levados um aparelho celular e um Honda Fit que estava na garagem. O latrocínio - roubo seguido de morte - foi registrado na delegacia situada no bairro do Prado.

Mais conteúdo sobre:
Recife Receita Federal morte de auditora

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.