Avião bate em anta na decolagem e faz pouso forçado em Manaus

Aeroporto Eduardo Gomes ficou fechado por cerca de cinco horas; incidente provocou cancelamento de 20 voos, além do atraso de outros 10

Luciana Dias, Especial para o Estado

31 Maio 2014 | 11h32

MANAUS - O Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus, ficou fechado por, aproximadamente, cinco horas. O motivo foi um pouco de emergência feito por uma aeronave de médio porte, ATR42, da companhia Total, que vinha do interior do Amazonas, de Urucu, em Coari, a 650 quilômetros da capital amazonense. No incidente, nenhuma das 49 pessoas que estavam no voo se feriu. Voos estão atrasados, outros cancelados ou tiveram seus pousos alterados.

766E3C01-53A8-483E-9B06-CCE0C7108013
Nenhuma das 49 pessoas que estavam no voo se feriu.
E0EAB005-9061-4B3D-86B9-AEB61693E313

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a aeronave ATR42 decolou de Urucu com destino a Manaus, mas durante o procedimento de saída bateu em uma anta. Segundo a instituição, a colisão danificou o trem de pouso e a equipe comunicou a torre de controle problemas técnicos e pediu autorização para a aterrissagem de emergência em Manaus.

Por conta do ocorrido, o aeroporto ficou fechado entre as 22h20 desta sexta-feira, 30, e 3h30 deste sábado, 31. O resultado foi o cancelamento de 19 voos nacionais e um internacional. Além disso, outros 10 atrasaram e nove foram alterados para os aeroportos de Boa Vista, Porto Velho e Santarém.

"Cheguei para embarcar para São Paulo às 1h15 e vi o tumulto no aeroporto. Quando fui buscar informações da companhia aérea, ninguém sabia o que iam fazer em relação ao meu voo, marcado para decolar às 2h07", disse a professora Ana Gomes. "Havia muita bagunça e informações da companhia desencontradas, falta estrutura da Infraero [Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária] e das empresas para situações dessa natureza."
 
De acordo com a Infraero, a situação foi normalizada nesta manhã e cada companhia está responsável pelas alterações em seus voos.

Mais conteúdo sobre:
Brasil Amazonas Manaus Voos Aeroportos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.