Bandidos fazem arrastão em ônibus e deixam passageiros nus no bagageiro

Crime aconteceu em estrada do Paraná; veículo seguia de SC para SP com 23 pessoas a bordo

Marília Lopes, Central de Notícias

17 Março 2011 | 17h55

SÃO PAULO - Cinco homens deixaram 22 passageiros e o motorista de um ônibus nus dentro do bagageiro durante um assalto no Paraná. O crime aconteceu na PR-116. O ônibus seguia de Rio do Sul, em Santa Catarina, para São Paulo, onde o grupo faria compras. Cerca de R$ 60 mil reais em dinheiro, joias e celulares foram roubados.

 

De acordo com o delegado Erik Wermelinger Buseti, o ônibus foi abordado na madrugada desta quinta-feira, 17, no km 153 da rodovia, em Mandirituba, na região metropolitana de Curitiba. Armados, os bandidos estavam em um Vectra preto. Eles renderam o ônibus e obrigaram o motorista a seguir cerca de cinco quilômetros até uma plantação em Agudos do Sul.

 

Os homens roubaram todos os pertences das vítimas - dinheiro, celulares, joias e até as roupas. Depois, colocaram os 22 passageiros e o motorista nus dentro do bagageiro do ônibus, que estava atolado no local.

 

Segundo Busetti, as vítimas ficaram cerca de 50 minutos dentro do bagageiro até que conseguiram sair e pedir socorro em um posto da Polícia Rodoviária Estadual na PR-116. Até o momento, ninguém foi preso.

 

O caso foi registrado da delegacia de Fazenda do Rio Grande. Alguns passageiros já prestaram depoimento nesta quinta-feira. A polícia intensificou as buscas na região do crime.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.