Divulgação
Divulgação

Bomba caseira é encontrada em banheiro do Santuário de Aparecida

Objeto foi detonado por homens do Gate; segundo a PM, 'tratava-se de um artefato caseiro e de baixo potencial lesivo'

Fábio Fabrini , Brasília

22 Julho 2013 | 14h53

Texto atualizado às 16 horas.

BRASÍLIA - O esquema de segurança em Aparecida (SP) para a visita do papa Francisco encontrou no domingo, 21, uma bomba caseira em um banheiro de um estacionamento do Santuário Nacional de Aparecida. Segundo a Polícia Militar, "tratava-se de um artefato caseiro e de baixo potencial lesivo".

O esquadrão antibombas do Grupo de Ações Táticas Especiais da Polícia Militar de São Paulo foi chamado e cercou a área. Os homens do Gate detonaram o artefato. Em nota, a Polícia Militar disse "que o cano aparentemente plástico, envolto em fita adesiva" foi achado por volta das 11h30, durante a realização de exercício simulado pelas forças de segurança no Santuário. "Cumpre ressaltar que episódios semelhantes faziam parte do treinamento das forças de segurança mobilizadas em Aparecida e que, em nenhum momento, a vida de civis foi colocada em risco", diz a nota, que destaca que o banheiro não será usado por fiéis.

O papa Francisco, que chegou na tarde desta segunda ao Rio, vai a Aparecida na quarta-feira, 24, onde rezará uma missa. Um efetivo de 5 mil homens das Forças Armadas e das Polícias Civil, Militar e Federal vai reforçar a segurança na cidade.

Veja a agenda do papa em Aparecida:

8h15 - Partida de helicóptero do Sumaré, no Rio,  para Aparecida (SP)

9h30 - Chegada ao Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida

10h - Veneração da imagem da Virgem na basílica do santuário

10h30 - Missa na basílica

13h - Almoço com a comitiva papal, bispos de Aparecida e seminaristas no Seminário Bom Jesus

16h10 - Partida para o Rio

Mais conteúdo sobre:
papa papa Francisco

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.