Bope faz ação para instalar UPP no Morro Pavão-Pavãozinho

Ainda não houve troca de tiros na favela de Copacabana; essa será a 3ª unidade criada na zona sul do Rio

Pedro Dantas, O Estado de S.Paulo

30 Novembro 2009 | 11h55

A Polícia Militar confirmou que a operação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) realizada no Morro Pavão-Pavãozinho, em Copacabana, nesta segunda-feira, 30, visa ocupar a comunidade para a instalação da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP). Até o momento não houve troca de tiros com traficantes. O Pavão Pavãozinho será a terceira favela na zona sul a receber a UPP - os morros do Dona Marta, em Botafogo, e Chapéu Mangueira, no Leme, já estão ocupados.

 

 

Dominada por traficantes do Comando Vermelho, a favela já foi palco de intensos tiroteios entre policiais e traficantes. Em novembro de 2008, três traficantes se esconderam dentro do canteiro de obras do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) para trocar tiros com policiais e foram mortos. Em abril do mesmo ano, Adauto do Nascimento Gonçalves, o Pitbull, apontado como chefe do tráfico local, foi preso com crachá de vigia das obras do PAC. Além das favelas da zona sul, Cidade de Deus e a Favela do Batam, na zona oeste, também estão ocupadas com UPPs.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.