1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Cantor sertanejo é agredido e motorista baleado durante assalto

Rene Moreira - Especial para O Estado

22 Agosto 2014 | 14h 34

Bandidos armados fizeram vários disparos e invadiram ônibus de dupla Matheus e Kauan no município de Prata, no Triângulo Mineiro

"21 de agosto. Data que nunca vou esquecer na minha vida", disse o cantor Matheus, da dupla sertaneja Matheus e Kauan, sobre o assalto de qual foi vítima nesta quinta-feira, 21. Ele seguia de Goiânia para um show em Curitiba em um ônibus com 26 pessoas, incluindo músicos e pessoal de apoio, quando o veículo foi interceptado por criminosos na BR-153, próximo ao município de Prata, no Triângulo Mineiro.

O cantor Kauan foi agredido e o motorista do ônibus baleado no braço, tendo sido levados todos os equipamentos que estavam no ônibus. "Deixaram marcas para o resto da vida na nossa memória e sinceramente não sei se sou capaz de superar", contou Matheus por meio das redes sociais. Segundo ele, eram cinco assaltantes que efetuaram vários disparos em direção ao veículo.

Divulgação
O cantor Kauan foi agredido e o motorista do ônibus baleado no braço pelos criminosos

A apresentação agendada para a cidade de Curitiba foi cancelada, mas está confirmado o show na noite desta sexta-feira, 22, na cidade de Tupã, no interior paulista.

"Foram momentos de muita tensão e sofrimento. Não desejo pra ninguém", diz ainda Matheus sobre o roubo, que não é o primeiro do tipo na região. Segundo a polícia de Frutal (MG), que fez a ocorrência, ainda não há pistas dos suspeitos.

Dupla. Matheus e Kauan são irmãos e têm 19 e 25 anos, respectivamente, tendo contrato com a Gravadora Som Livre e sendo considerados expoentes do gênero sertanejo. A dupla surgiu em 2010 e já lançaram músicas que foram grandes sucessos após serem gravadas por nomes como Jorge e Mateus, Luan Santana, Gusttavo Lima, João Neto e Frederico, entre outros.