1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Cardozo garante segurança e não teme protestos na Copa do Mundo

Tânia Monteiro - O Estado de S. Paulo

23 Maio 2014 | 22h 37

Ministro da Justiça afirma que tudo está preparado para o evento e há alternativa até para greves de policiais; Carvalho já prevê protestos contra Olimpíada

BRASÍLIA - Em entrevista aos correspondentes estrangeiros, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse nesta sexta-feira, 23, que as forças de segurança do País estão "totalmente preparadas" para a realização da Copa. Ele disse que "não acredita" em manifestações durante o Mundial nas mesmas proporções das que aconteceram em junho do ano passado, antes e durante a Copa das Confederações. Mas avisou que, se por acaso elas ocorrerem, o País "está preparados para qualquer situação que porventura ocorra".

Segundo ele, mesmo que haja greve na Polícia Federal ou em qualquer outro segmento policial, o plano de segurança da Copa não será afetado, pois o governo tem alternativas. "Não existe ameaça de greve de toda a PF. Existe especificamente uma negociação em curso de uma categoria de agentes e acho que haverá entendimento nos próximos dias. Mesmo que o acordo não seja feito, há decisões claríssimas da Justiça dizendo que greve é ilegal. Portanto, não vemos a menor possibilidade de agentes da Polícia Federal virem a transgredir a ordem." Cardozo apelou ainda para o "espírito público" dos policiais.

Protestos. Sobre os problemas registrados na Copa das Confederações, quando aconteceram confrontos entre policiais e manifestantes, o ministro da Justiça disse que "não deverão se repetir". Segundo ele, "agora as forças estão mais treinadas e mais capacitadas para evitar abusos".

O ministro da Defesa, Celso Amorim, que também estava presente na coletiva, reagiu à pergunta de um jornalista estrangeiro, que falou sobre a imagem desgastada do Brasil no exterior, por causa principalmente dos problemas de segurança e das manifestações violentas às vésperas da Copa. "Não concordo que a imagem do Brasil esteja má. Isso não existe."

Cardozo citou ainda que, embora o governo federal tenha abandonado a ideia de encaminhar ao Congresso uma proposta endurecendo as punições para quem praticar violência nas manifestações, a legislação em vigor ainda poderá ser aperfeiçoada. "Vocês sabem que não é uma discussão fácil e simples, porque a garantia da liberdade de manifestação é um pressuposto da democracia."

Olimpíada. Outro integrante do governo que deu declarações sobre as manifestações foi o ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho. Ele afirmou que acredita que, para a Olimpíada de 2016, no Rio, novos protestos poderão surgir. "Eles são naturais em um país democrático e precisamos saber absorvê-los. Mas, assim como muitos cantam a desgraça previamente e depois são desmentidos pelos fatos, é provável que ocorra o mesmo."

Conforme a Copa do Mundo se aproxima, ele acredita que os protestos contra a realização dos jogos vão arrefecer. "Vão perdendo o significado de multidão." E ressaltou que as obras de infraestrutura "estão sendo entregues".

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo