Cartas

Carta 19.176 Esgoto na Praia Grande Aviso que há esgoto sendo lançado nas areias da Praia Grande, na Vila Tupi. DANILO RAMAZZINA Praia Grande A prefeitura responde: "A Secretaria de Serviços Urbanos faz esta semana (resp. do dia 4) manutenção na rede de extravasadores de águas pluviais na alt. da Rua Potiguares, bairro Tupi. Para fazê-lo, é preciso reduzir a capacidade de captação da rede, causando lançamento das águas na areia. O objetivo é coletar as águas dos canais de drenagem para despejo no mar; elas deveriam ser só de chuva, sem conter esgoto, proveniente de ligações clandestinas à rede de água pluvial que desemboca nas praias. A Operação Caça-Esgotos, em parceria com a Sabesp, identifica as ligações clandestinas e intima os donos dos imóveis a providenciar a regularização. Nos últimos 5 anos a fiscalização visitou mais de 2 mil instalações de esgoto (1.595 de prédios, entre os bairros Canto do Forte e Mirim). A caixa de gordura e fossa séptica têm de ser limpas (a caixa separa a gordura da água que segue para a fossa séptica, e é um dispositivo importante, pois separa a gordura da água que segue para a rede ou para a fossa. Sem a separação, a gordura adere à tubulação das casas e da rede pública, causando entupimento e impedindo a saída do esgoto. Fossa séptica e filtro anaeróbico separam a parte líquida da sólida e as tratam separadamente, reduzindo ao máximo a carga poluidora. O Dep. de Meio Ambiente fornece um panfleto ensinando como construir a caixa e a fossa. Para informações ou denúncias, o tel. é (013) 3496-2029." Carta 19.177 O isopor é reciclável O isopor é usado como proteção para aparelhos eletrônicos, em maquetes e até como teto, e a população o joga fora por não saber que é possível reciclá-lo para fazer brinquedos e utensílios domésticos e até na construção civil. A Secretaria Municipal de Serviços informa que a coleta e destinação do isopor é parte do Programa de Coleta Seletiva, pelo qual o cidadão pode levar o material para uma das 15 centrais de triagem conveniadas ou depositá-lo em qualquer um dos 17 ecopontos,locais de entrega de pequenas quantidades de entulho e materiais inservíveis que funcionam de 2.ª a 6.ª das 8 às 17 hs. O material pode ainda ser entregue nos postos de entrega voluntária instalados em condomínios, prédios públicos, escolas e postos de gasolina e aos caminhões da coleta seletiva da Limpurb. Pela coleta seletiva, o isopor é recolhido na porta das pessoas pelos cooperados das centrais de triagem em 68 distritos da cidade. O transporte do material é feito por caminhões-gaiola, sendo levado para as cooperativas vinculadas à coleta seletiva municipal. O material passa por processo de triagem e compactação e é comercializado diretamente pelas cooperativas com empresas que trabalham com sua reutilização. A renda se destina aos trabalhadores que fazem parte da cooperativa. Segundo a Limpurb, cerca de 30 toneladas de isopor por mês são recicladas, com expedctativa de dobrar esse número, melhorando a qualidade de vida de quem participa da coleta e da cooperativa que comercializa o material. Sugere-se apenas que antes da entrega do isopor nos locais específicos, o material seja lavado com água corrente e separado do lixo comum, para não correr o risco de contaminação pela terra ou pelo material orgânico. LOCAIS PARA ENTREGA Ecoponto Bresser: Praça Giuseppe Cesari, 54, tel. (011) 6693-0191; Ecoponto Pinheiros: Praça Augusto Rademarker Grunewald, 37; Ecoponto Imperador: Avenida Ribeirão Jacu, 201, tel. 6152-9679; Ecoponto Vereador José Diniz: Avenida Professor Vicente Rao (sentido Diadema, baixos do Viaduto Vereador José Diniz), tel. 5093-9780; Ecoponto Tatuapé: Avenida Salim Farah Maluf, 179; Ecoponto Mirandópolis: Rua Casemiro Rocha, 1220, tel. 5072-8258; Ecoponto Vigário Godói: Rua Vigário Godói, 555; Ecoponto Viaduto Eng.º Alberto Badra: Avenida Aricanduva, 200, tel. 6192-2717; Ecoponto Cupecê: Rua Anália Maria de Jesus, 130, tel. 5678-7260; Ecoponto Vila Guilherme: Rua José Bernardo Pinto, 1.480, tel. 2218-0050; Ecoponto Penha 1: Rua Evans com Rua Dr. Heládio, tel. 6684-218; Ecoponto Carlito Maia: Rua Domingos Fernandes Nobre, 109, telefone 6586-0709; Ecoponto Bandeirantes: Rua Itaiquara, 237, Itaberaba, tel. 3976-5776; Ecoponto Recanto dos Humildes: Rua Sales Gomes, 415; Ecoponto Astarte: Rua Astarte com Avenida Aricanduva, tel. 6783-3771; Ecoponto Santo Dias: Travessa Rosifloras, 301, tel. 5824-1691, Ecoponto Padre Nogueira Lopes: Rua Rua Cônego José Salomon, 861, telefone (011) 3992-6475.

O Estadao de S.Paulo

13 Outubro 2007 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.