E-Jovem Ceará/Facebook
E-Jovem Ceará/Facebook

Chacina deixa 4 adolescentes mortos em centro socioeducativo de Fortaleza

Criminosos invadiram unidade, renderam seguranças e arrastaram as vítimas para fora; duas delas tiveram mãos arrancadas

Lauriberto Braga, especial para o Estado

13 Novembro 2017 | 18h09

FORTALEZA - Quatro adolescentes entre 12 e 17 anos foram mortos a tiros em frente ao Centro de Semiliberdade Mártir Francisco, no bairro Sapiranga, em Fortaleza, na madrugada desta segunda-feira, 13.

+++ Menina de 13 anos é estuprada por pai e irmão no Ceará

A polícia investiga o que motivou a chacina no local, que se destina ao cumprimento de medidas socioeducativas determinadas pela Justiça após a prática de atos infracionais.

+++ Polícia apura presença de crianças em festa de Halloween com dançarinos nus no Ceará

Os crimes, segundo levantamento da polícia, aconteceram por volta das 3 horas, quando um grupo de 15 homens armados invadiu o local. Os criminosos renderam os seguranças e seguiram para o dormitório onde estavam as quatro vítimas. Os adolescentes foram arrastados para fora e sofreram espancamento seguido de tiros fna cabeça. Dois dos jovens mortos tiveram as mãos arrancadas a golpes de faca e facão.

 

+++ Mãe e seis filhos são resgatados após 19 anos de cárcere privado no Ceará

Policiais da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa fazem buscas para prender os assassinos. Os nomes dos adolescentes mortos não foram revelados pela polícia.

Mais conteúdo sobre:
chacina Ceará [estado] Fortaleza [CE]

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.