1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Confronto entre grupos rivais deixa 2 mortos e 16 feridos em presídio na Bahia

Tiago Décimo - O Estado de S. Paulo

23 Maio 2014 | 17h 50

Briga começou depois que os internos derrubaram o muro que separava dois pavilhões do Conjunto Penal de Itabuna; houve motim, com fogo em colchões e celas destruídas

SALVADOR - Um confronto entre grupos rivais de detentos do Conjunto Penal de Itabuna (BA), a 426 quilômetros de Salvador, deixou dois presos mortos e 16 feridos na manhã desta sexta-feira, 23.

Segundo informações da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização do Estado (Seap), o conflito começou pouco antes das 5 horas, depois que os internos derrubaram o muro que separava dois pavilhões do presídio - cada um com integrantes de grupos rivais.

Após o confronto, os detentos iniciaram um motim na unidade, ateando fogo em colchões e destruindo celas. A situação só foi controlada após cinco horas, com a chegada de reforço policial ao local. Por causa da depredação do presídio, a Seap informou que terá de transferir parte dos internos.

Foi a segunda rebelião com mortes registrada na Bahia em menos de 30 dias. Em 28 de abril, seis presos do Conjunto Penal de Eunápolis, também no sul do Estado, foram assassinados por colegas da unidade - alguns foram queimados vivos durante o confronto.

  • Tags: