1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Conta do sindicato de motoristas de Salvador é bloqueada

Tiago Décimo - O Estado de S. Paulo

27 Maio 2014 | 22h 17

Medida tem como objetivo garantir o pagamento da multa de R$ 100 mil por dia; TRT havia obrigado a presença de pelo menos 70% da frota de ônibus nas ruas em horário de pico e 50% no restante do dia

SALVADOR - Diante do descumprimento, por parte dos trabalhadores do sistema de transporte público de Salvador, da decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), a Justiça determinou, na noite desta terça-feira, 27, o bloqueio da conta bancária do sindicato. A medida, de acordo com a assessoria do órgão, tem como objetivo garantir o pagamento da multa estipulada para o caso, de R$ 100 mil por dia.

O TRT havia obrigado o Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários do Estado da Bahia (Sintroba) a garantir a presença de pelo menos 70% da frota de ônibus nas ruas da cidade nos horários de pico e 50% no restante do dia, durante a paralisação dos rodoviários na cidade.

A decisão do TRT para tentar garantir um mínimo de ônibus em circulação em Salvador durante uma eventual paralisação havia sido tomada na segunda-feira, com validade a partir desta terça. A determinação judicial foi apoiada até por órgãos representativos dos empregados, como a Central Única dos Trabalhadores (CUT), que emitiu nota informando que defendia "o imediato cumprimento" da determinação, "por reconhecer que já houve avanços significativos nas negociações e o que está sendo pleiteado pelos trabalhadores pode ser negociado sem a paralisação total dos ônibus e sem prejuízos maiores à população". Apesar disso, nenhum ônibus da frota municipal, de cerca de 2,5 mil veículos, circulou na cidade nesta terça.

O TRT também antecipou, mais uma vez, o julgamento do dissídio coletivo da categoria. Inicialmente marcada para a manhã de sexta-feira, a sessão foi antecipada para a tarde de quinta-feira. À noite, o órgão divulgou que o julgamento será realizado na manhã de quinta-feira, prazo mínimo para que todos os trâmites para a realização da sessão sejam realizados. As sucessivas antecipações resultam da decisão do sindicato dos rodoviários de condicionar o fim da paralisação ao julgamento.

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo