Duas pessoas morrem de frio em Santa Catarina

Termômetros do município de Anitápolis chegaram a registrar -6ºC durante a madrugada

Marcela Gonsalves, estadão.com.br

07 Julho 2011 | 15h53

SÃO PAULO - Dois homens morreram na cidade de Anitápolis, em Santa Catarina, a aproximadamente 100 km da capital Florianópolis. O enterro de ambos aconteceu na manhã desta quinta-feira, 7. A região enfrenta frio intenso desde o final de junho e os termômetros do município chegaram a registrar -6ºC durante a madrugada, segundo a Defesa Civil.

 

Na última terça-feira, 5, Adair Paulo Fortkamp, de 42 anos, foi localizado na comunidade do Rio dos Pinheiros Alto com hipotermia. Ele estava em casa, ainda com vida, e foi levado de helicóptero ao Hospital Celso Ramos, em Florianópolis. O homem, porém, não resistiu e veio a óbito na madrugada do dia seguinte.

 

Nesta quarta-feira, 6, José Sálvio Batista, de 61 anos, foi achado pela manhã próximo a comunidade do Rio do Ouro, onde morava sozinho. Segundo relatos, na noite de terça-feira ele havia saído de uma lanchonete e seguido para casa. A Defesa Civil supõe que ele tenha caído e, sem conseguir levantar, ali ficou e veio a falecer devido ao frio.

 

Os órgãos municipais estão preocupados com a situação no município, já que o frio continua intenso e a desinformação dos moradores pode causar ainda mais óbitos. A Defesa Civil e a Secretaria de Saúde e Assistência Social estão visitando escolas e bares pra alertar a população.

Mais conteúdo sobre:
frio Santa Catarina inverno Anitápolis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.