1. Usuário
Assine o Estadão
assine

‘Ele sabe lidar com um campo minado’

Ariel Palacios - Correspondente

12 Março 2014 | 23h 59

Francesca Ambrogetti, primeira biógrafa do atual papa, fala para o 'Estado'

BUENOS AIRES - A jornalista e escritora ítalo-argentina Francesca Ambrogetti – coautora de O Jesuíta, a primeira biografia escrita sobre o cardeal Jorge Bergoglio, em entrevista ao Estado, sustentou que o papa, na recente designação de novos cardeais, está criando uma nova "cartografia" da Igreja, dando mais protagonismo a países africanos e asiáticos, além do Brasil. Francisco, nos primeiros meses de seu pontificado, foi muito comparado a João XXIII e de João Paulo I. Este papa tem o coração de João XXIII e a cabeça de Paulo VI, um grande intelectual e estrategista.

As reformas do papa são concretas ou apenas uma formalidade?

Nada do que ele faz é uma mera formalidade. Bergoglio afirma que a Igreja que fica quieta é como um castelo de areia que desmorona. Por isso será uma igreja que se mexa, mas sem dar saltos arriscados. A revolução de Francisco será a revolução dos corações, dos sentimentos.

É um conservador? Um progressista? Ou um pouco de tudo?

Diria que ele não pode ser rotulado. Sua característica mais marcante é a de avançar sempre em uma direção. Ele não pula nos precipícios... Este papa sabe como lidar com um campo minado.