Estelionatários que agiam em Copacabana são presos

Eles foram localizados em uma casa no bairro Engenho Novo, em São Gonçalo

estadão.com.br,

19 Janeiro 2012 | 18h51

SÃO PAULO - Policiais civis prenderam nesta quinta-feira, 19, um casal suspeito de clonar cartões de crédito e comprar produtos utilizando documentos falsos, em Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro.

Eles foram localizados em casa, na Rua Nossa Senhora de Fátima, no bairro Engenho Novo, em São Gonçalo. No local foram apreendidos produtos eletrônicos, televisões, computadores, móveis de antiquários e documentos pessoais de possíveis vítimas.

Os dois foram levados para a 12ª DP (Copacabana). Os criminosos agiam há pelo menos dois anos em Copacabana e outros bairros da zona sul do Rio. Eles responderão pelos crimes de formação de quadrilha, estelionato, uso de documento falso, receptação e porte ilegal de munição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.