1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Ex-namorado é suspeito de jogar estudante de terraço

Thaise Constancio - O Estado de S.Paulo

03 Janeiro 2014 | 11h 16

O caso aconteceu no bairro Rocha, em São Gonçalo, região metropolitana, quando a jovem voltava para casa depois de comemorar a passagem do Ano-Novo

RIO – A Polícia Civil do Rio investiga o caso da estudante de Direito Nívea Araújo, 24 anos, que supostamente foi atirada do terraço da própria casa pelo ex-noivo Leonardo Carvalho Oliveira, 25 anos, na quarta-feira, 1. O caso ocorreu no bairro Rocha, em São Gonçalo, região metropolitana, quando a jovem voltava para casa depois de comemorar a passagem do Ano-Novo.

Por causa da queda, Nívea teve traumatismo craniano e foi encaminhada para o Hospital Estadual Alberto Torres, em São Gonçalo, onde foi operada. Ela permanece em estado gravíssimo.

O delegado titular da 73ª Delegacia de Polícia (Neves), Jorge Luiz da Silva Veloso, pediu a prisão temporária de Oliveira por 30 dias. A polícia fez perícia no local e mãe e uma amiga da jovem prestaram depoimento. O ex-noivo está sendo procurado pela polícia.