Governo do Rio Grande do Sul
Governo do Rio Grande do Sul

Gelo em asas de aviões da Azul impede decolagem em aeroporto do RS

Temperatura na capital gaúcha atingiu 2ºC nesta quarta-feira; voo para Campinas atrasou quatro horas

Luciano Nagel, Especial para o Estado

19 Julho 2017 | 14h49

PORTO ALEGRE - O amanhecer frio desta quarta-feira, 19, com temperatura na casa dos 2°C em Porto Alegre, provocou o acúmulo de gelo nas asas de cinco aeronaves das Linhas Aéreas Azul no Aeroporto Salgado Filho. Como consequência, os aviões não puderam decolar nos horários previstos.

Funcionários da companhia aérea Azul confirmaram os motivos dos atrasos e disseram à reportagem do Estado que todos os passageiros foram orientados sobre a situação. 

"A Azul Linhas Aéreas Brasileiras informa que, na manhã desta quarta-feira, cinco voos da companhia registram atraso na decolagem em Porto Alegre", declarou, em nota, a companhia. "O motivo é a necessidade de remoção do gelo acumulado sobre as asas das aeronaves. Os clientes estão recebendo toda assistência necessária de acordo com a Resolução 141 da Agência Nacional de Aviação Civil."

Atrasos

Às 5h45, estava previsto para decolar de Porto Alegre o voo 2601. A aeronave tinha como destino o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, no interior de São Paulo. No entanto, o avião só deixou o pátio do aeroporto gaúcho após quatro horas de espera.

Outros quatro voos também sofreram atrasos em razão do gelo nas aeronaves.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.