Homem é preso ao tentar vender ingressos para a Copa no centro do Rio

Bilhete estava sendo vendido a R$ 800; operação de combate à comercialização ilegal de ingressos continua até o fim do Mundial

O Estado de S. Paulo

20 Maio 2014 | 18h55

RIO - Um homem foi preso na tarde desta segunda-feira, 20, ao tentar vender ingressos para a Copa do Mundo, no centro do Rio. Ele foi flagrado por policiais da Delegacia do Consumidor (Decon), que deflagraram a Operação Torcedor, que tem como objetivo coibir a venda ilegal de ingressos do mundial de 2014.

O homem, cujo nome não foi divulgado, tentava vender os bilhetes por R$ 800. Ele foi autuado pelo artigo, que pune a venda de ingressos de evento esportivo por preço superior ao estampado no ticket.

De acordo com o delegado Ricardo Barboza, titular da Decon, na delegacia o preso alegou que estava tentando obter algum lucro com a venda dos bilhetes. O delegado disse a investigação é resultado de um trabalho de inteligência, em que vendedores são identificados e monitorados. A operação vai continuar até o fim do campeonato.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.