1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Irmã de menina morta em ataque a ônibus tem alta em São Luís

Artur Rodrigues - O Estado de S. Paulo

15 Janeiro 2014 | 15h 46

Lorrane, de 1 ano e 5 meses, teve 20% do corpo queimado e, como sua mãe segue internada, vai ficar com a família do pai

SÃO PAULO - A menina Lorrane Beatriz Santos, de 1 ano e 5 meses, recebeu alta nesta quarta-feira, 15, do Hospital Juvêncio Matos, em São Luís (MA). Ela estava internada desde o dia 3, quando sofreu queimaduras em 20% do corpo durante um ataque de bandidos ao ônibus em que estava com a família. 

A irmã de Lorrane, Ana Clara de Sousa, de 6 anos, teve 95% do corpo queimado e morreu no dia 6. A mãe das garotas, Juliane Santos, de 22 anos, que teve 42% do corpo queimado, foi transferida para o Hospital da Asa Norte, em Brasília, especializado em queimados.

Miguelina Dutra, de 52 anos, tia de Lorrane, afirma que a menina ficará com a família de parentes do pai dela. 

Outras vítimas. A operadora de caixa Abiancy Silva, de 35 anos, teve 10% do corpo queimado e ainda não tem previsão de alta. O entregador de frangos Márcio da Cruz, de 37 anos, que teve 72% do corpo queimado, está no Hospital Geral de Goiânia, para onde foi transferido no dia 8 de janeiro.