Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Brasil » Justiça autoriza demolição parcial de viaduto que caiu em BH

Brasil

Justiça autoriza demolição parcial de viaduto que caiu em BH

Na manhã de domingo, 6, desembargador havia vetado destruição dos blocos a pedido da Polícia; parte será preservada para a perícia

0

Marcelo Portela,
O Estado de S. Paulo

07 Julho 2014 | 00h07

 BELO HORIZONTE – O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) reviu a própria decisão e autorizou, na noite desse domingo, 6, o início da demolição do Viaduto Guararapes, que desabou na semana passada. O desembargador Adilson Lamounier, no entanto, determinou que seja demolida apenas a parte da estrutura onde já foi concluída a perícia da Polícia Civil. 

De acordo com o Ministério Público Estadual (MPE), o restante do local deve ficar preservado para a conclusão dos trabalhos que vão embasar o inquérito instaurado para investigar o caso. A preservação do local para a perícia foi argumento usado pela Polícia para obter o veto judicial da demolição.

Mesmo com a possibilidade de remoção de parte do concreto da pista da avenida Pedro I, o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (PSB), decretou feriado na cidade na terça-feira na tentativa de reduzir o tráfego nas ruas ao invés do ponto facultativo para o funcionalismo como ocorreu nos demais dias de jogos da seleção brasileira. O feriado não é válido para unidades de saúde, transporte público, comércio e outros tipos de atividade, principalmente ligadas à Copa do Mundo.

A queda da estrutura, que ocorreu na quinta-feira, 3, matou duas pessoas e deixou 23 feridas. O acidente ocorreu na avenida Pedro I, um dos principais acessos do Aeroporto Internacional de Confins, na região metropolitana de BH, e o centro da capital mineira. O viaduto também fica na região da Pampulha, a mesma do estádio do Mineirão.

Mais conteúdo sobre: