Mãe põe fogo em casa com 2 filhas dentro e mata 1

A dona de casa Ana Karla Xavier da Silva, de 18 anos, foi presa em flagrante anteontem após atear fogo nas duas filhas, matando uma delas, na casa onde moravam, em Parelheiros, zona sul da capital. A jovem cometeu o crime durante uma briga com o marido, o mecânico Paulo Lopes dos Santos Júnior, de 21 anos, que ficou ferido. Emily, de 3 meses, morreu. Evelin, de 1 ano e 4 meses, está internada em estado grave. Vizinhos do casal contam que o incêndio começou por volta das 23 horas. Desesperada, Ana Karla foi para a rua, disse que havia ateado fogo na casa e pediu para que socorressem as suas filhas, que estavam morrendo. Moradores da rua se mobilizaram, com baldes e mangueiras, para apagar o incêndio. Quando os bombeiros chegaram, o fogo já havia sido extinto. Ana Karla ficou com a mão esquerda ferida e Júnior com queimaduras na mão direita e no rosto. Segundo a polícia, Ana Karla se descontrolou quando Júnior disse que iria sair de casa. Para impedi-lo, a jovem jogou álcool nas crianças e ameaçou atear fogo nelas. "Ele pegou a garrafa de álcool da mão dela, despejou na pia, lavou com água e saiu de casa. Em seguida, ela foi atrás dele e falou para voltar e ver o que tinha feito. Ele conseguiu salvar uma das meninas, mas a outra infelizmente morreu", explicou o policial militar Paulo Chagas, do 27º Batalhão. Ana Karla foi indiciada por homicídio qualificado e lesão corporal. Foi encaminhada para a carceragem do 97º DP (Americanópolis), de onde seguirá para um dos Centros de Detenção Provisória da capital.

Andressa Zanandrea e Felipe Grandin, O Estadao de S.Paulo

28 Agosto 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.