Fábio Motta/AE - 12/11/2009
Fábio Motta/AE - 12/11/2009

Mais de 1.200 pessoas permanecem fora de suas casas no Rio

Belford Roxo é a cidade mais afetada pela chuvas, que já mataram seis na Baixada Fluminense desde quarta-feira

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

16 Novembro 2009 | 13h48

Pelo menos 1.200 pessoas que foram atingidas pelas chuvas no Rio nos últimos dias ainda estão foram de suas casas nesta segunda-feira, 16, segundo levantamento da Defesa Civil estadual. O relatório mostra que a grande maioria dos desabrigados e desalojados vítimas das chuvas da semana passada já havia retornado, até o final do domingo, 15, para suas residências. A Defesa Civil do Estado aguarda o balanço dos municípios atingidos pelas chuvas de ontem à noite e madrugada de hoje.

 

Veja também:

linkChuva e vendaval deixam estragos em 8 cidades do PR

linkTrês pessoas morrem soterradas em estrada no Rio

 

Em Tanguá, na região Metropolitana II, permaneciam 196 desalojados e 60 desabrigados. Em Belford Roxo, permaneciam 937 desalojados e 40 desabrigados. Já em Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Natividade, Valença e em Três Rios, no Centro-Sul Fluminense, todos desalojados e desabrigados tinham voltado até ontem para suas casas.

 

Nesta segunda, duas ações foram desencadeadas pela Secretaria de Estado de Saúde e Defesa Civil (Sesdec) em Belford Roxo, a coleta móvel de sangue e combate à focos do mosquito Aedes aegypti.

 

Outra medida adotada pelo Estado foi a criação do aluguel social, que será repassado aos municípios de Belford Roxo e Duque de Caxias, os mais atingidos na Baixada Fluminense, para ajudar temporariamente pessoas que não possam voltar para suas casas.

 

MORTES

 

As chuvas dos últimos dias já causaram seis mortes. As três primeiras mortes ocorreram em Nova Iguaçu, na quarta-feira, quando um deslizamento de terra atingiu uma casa na Serra do Tinguá, matando dois adultos e uma criança.

 

Na noite de domingo, um deslizamento de terra na estrada Rio-Teresópolis atingiu dois veículos, sendo que em um deles os ocupantes - casal mais uma criança - faleceram. A via permanece interditada.

Mais conteúdo sobre:
Rio chuvas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.