Missa de encerramento da Jornada reuniu 3,7 milhões de pessoas, diz organização

Comitê do evento católico reviu número divulgado na segunda-feira pela prefeitura do Rio e acrescentou 500 mil ao público

Luciana Nunes Leal, O Estado de S. Paulo

30 Julho 2013 | 12h45

RIO - O comitê organizador da Jornada Mundial da Juventude divulgou novos números do encontro católico que trouxe ao Rio o Papa Francisco, com estimativas de presença de público maiores que as divulgadas na segunda-feira, 29, pela Prefeitura. Segundo a arquidiocese do Rio, estiveram na missa de encerramento, no domingo passado, 3,7 milhões de pessoas, 500 mil a mais do que o divulgado pelo prefeito Eduardo Paes.

De acordo com o monsenhor Joel Portella, secretário-geral do comitê organizador, houve 427 mil peregrinos inscritos, de 175 países. O arcebispo do Rio de Janeiro, dom Orani Tempesta, disse que o valor dos investimentos feitos pela Igreja para a realização da Jornada só será divulgado depois de uma auditoria contratada pela arquidiocese.

Dom Orani afirmou que as várias mudanças ocorridas durante a organização e a realização da Jornada foram "ação de Deus". "Nunca houve tantas mudanças em uma Jornada desde que foi anunciada. Até de papa nós mudamos", comentou o arcebispo.

Mais conteúdo sobre:
papa jornada mundial da juventude

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.