Mulher é presa tentando trocar filha por crack em GO

Segundo a PM, mãe de 38 anos ofereceu a filha de dois meses a um traficante

Solange Spigliatti , estadão.com.br

09 Janeiro 2012 | 13h09

SÃO PAULO - Uma mulher foi presa em Goiânia tentando trocar a filha de 2 meses por pedras de crack, segundo a Polícia Militar. A mulher foi encontrada depois de denúncia anônima, que dizia que ela estava na porta da casa de um traficante negociando o bebê, na noite de domingo, 8, no Setor Parque Amazônia.

De acordo com a PM,  os policiais encontraram a mulher em um terreno baldio. Ela negou que estivesse tentando trocar a filha por crack, mas testemunhas afirmaram que a viram oferecendo a criança, por R$ 20, a várias pessoas em um bar. O dinheiro seria usado para comprar a droga.

Ela foi autuada por prometer ou efetivar a entrega de filho a terceiro em troca de dinheiro ou recompensa. A criança ficará aos cuidados da avó, que terá sua guarda provisória.

Mais conteúdo sobre:
crack Goiânia crianças GO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.