Não há decisão sobre novo aeroporto em SP, diz Mantega

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou nesta quinta-feira que a decisão sobre construir um novo aeroporto em São Paulo não pode ser tomada de "afogadilho". Questionado por jornalistas após reunião sobre a crise aérea no Palácio do Planalto, Mantega disse que é preciso avaliar se é o caso de ter um novo aeroporto e citou que a construção demora de quatro a cinco anos. "Não há nenhuma decisão no sentido de construir um novo aeroporto em São Paulo", disse. "Vocês sabem que São Paulo já tem três aeroportos grandes, então você pode ampliar pistas, reformar as existentes ou fazer novos aeroportos. Não é uma decisão fácil, isso não é a minha a área e não estou preparado para responder sobre isso." Mantega afirmou ainda que a Infraero tem um programa "robusto" de investimentos e que "tragédia" do acidente com o vôo 3054 da TAM na noite de terça-feira não pode ser confundida com questões de longo prazo relacionadas à infra-estruatura. Questionado se o governo pode ser culpado pelo acidente, Mantega disse não ter resposta para a questão. "Isso tem que ser investigado e analisado." (Por Isabel Versiani)

REUTERS

19 Julho 2007 | 13h25

Mais conteúdo sobre:
MANCHETES ACIDENTE MANTEGA ATUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.