Paraná estima prejuízo de cidades com chuvas em R$ 87 milhões

Ao menos oito municípios foram atingidos nos últimos dias; Antonina e Morretes estão em calamidade

Priscila Trindade, Central de Notícias

17 Março 2011 | 14h39

SÃO PAULO - A Defesa Civil do Paraná estima que as chuvas tenham causado um prejuízo de pelo menos R$ 87 milhões em oito cidades do Estado. Mesmo que parcial, o cálculo aponta as áreas que mais sofreram com as enxurradas e os deslizamentos de terra.

 

Entre os danos, R$ 60 milhões são referentes as mais de três mil residências danificadas pelo mau tempo, enquanto os prejuízos agrícolas, o segundo maior valor na tabela, somam mais de R$ 10 milhões. Além disso, o órgão prevê que os prejuízos causados as pontes paranaenses passem de R$ 3 milhões.

 

Por causa da chuva, os municípios de Antonina e Morretes já decretaram estado de calamidade pública. Já as prefeituras de Guaratuba, Honório Serpa e Paranaguá estão em situação de emergência. . Foram registradas quatro mortes, das quais duas em Antonina, uma em Morretes e uma em Honório Serpa. Em todo o estado, mais de 16 mil moradores estão desabrigadas ou desalojadas em todo o estado. Dessas, 461 permanecem em abrigos.

 

Na quarta-feira, 16, o governador Beto Richa acompanhou o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, em um sobrevoo pela região litorânea do estado. Na ocasião, Richa entregou o relatório preliminar sobre os danos na infraestrutura urbana e rural das cidades causados pela chuva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.