Petista ganha direito de resposta

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, garantiu ontem no Tribunal Superior Eleitoral pela primeira vez no segundo turno o direito de responder a supostas ofensas veiculadas na propaganda de seu adversário, o tucano José Serra. Dilma poderá usar um minuto do programa de Serra para se defender. Os petistas contestaram o uso alegadamente negativo da expressão "turma da Dilma" na propaganda de Serra, que seria uma tentativa de ligá-la a escândalos. Segundo um dos advogados da campanha, a expressão teria sido usada para dar a impressão de que essa turma agiria como uma quadrilha, cometendo ilícitos.

, O Estado de S.Paulo

27 Outubro 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.