Aizar Raldes Nuñez/AFP
Aizar Raldes Nuñez/AFP

Polícia boliviana apreende 1 tonelada de cocaína que viria para o Brasil

Encontrada na fronteira com o Estado de Rondônia, droga transportada em avião de pequeno porte foi avaliada em US$ 10 milhões

O Estado de S.Paulo

20 Julho 2017 | 02h53

TRINIDAD - A polícia da Bolívia apreendeu, na madrugada desta quinta-feira, 20, uma carga de uma tonelada de cocaína que tinha como destino o Brasil. A droga estava em um avião de pequeno porte, que também foi recolhido, segundo o ministro de Interior do país, Carlos Romero.

"Foi encontrada uma grande quantidade de droga em forma de pacotes que totalizariam uma tonelada, das quais cerca de 60% seriam cocaína em estado puro, cloridrato de cocaína, e 40% de pasta base da droga", disse um porta-voz da ação.

A apreensão aconteceu em uma granja agrícola, onde também havia uma pista clandestina de aterrisagem. A fazenda fica localizada na região de Baures, no Estado boliviano de Beni, que faz fronteira com o Estado brasileiro de Rondônia.

O chefe da polícia antinarcóticos da Bolívia, Santiago Delgadillo, disse que a droga foi avaliada em US$ 10 milhões e era destinada ao Brasil. O governo destacou a ação como uma das maiores dos últimos anos no país.

Segundo um levantamento recente da Organização das Nações Unidas (ONU), a Bolívia apreendeu 12,2 toneladas da pasta base de cocaína e 17,7 toneladas do cloridrato de cocaína em 2016. O país latino-americano, conforme a ONU, conta com 23 mil hectares de coca, matéria-prima da droga. A lei reconhece seu uso para marcado, infusões e rituais religiosos. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.