1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Preso por assalto a banco em MT usou CPF de Lula para comprar celular

Fátima Lessa - Especial para o Estado

24 Maio 2014 | 12h 07

Criminoso usou número do documento do ex-presidente dois dias após participar de assalto a banco no estilo 'novo cangaço'

CUIABÁ - A polícia Civil de Mato Grosso prendeu na tarde desta sexta-feira, 23, dez pessoas que integrava um grupo que assaltou a agência do Banco do Brasil em Nova Maringá, a 306 km de Cuiabá, no dia 22 de abril no estilo “novo cangaço”. Um dos presos, Jonas Rodrigues, usava um celular cadastrado com o número do CPF do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O prefixo do celular é 66, da operadora Vivo, e foi cadastrado na cidade de Natal (RN) e habilitado no dia 24 de abril, dois dias após o roubo. O delegado responsável pelas investigações, Flávio Stringueta, observou a fragilidade do sistema de registro da operadora responsável pela linha.

A prisão foi realizada pela Polícia Judiciária Civil em com apoio das investigações comandadas pela Gerência de Combate ao Crime Organizado (CCO).

Foi o primeiro assalto ao estilo novo cangaço registrado em Mato Grosso em 2014, que usa pessoas como escudo humano. Os presos irão responder pelos crimes de roubo agravado por usar as pessoas dessa forma, por formação de quadrilha armada e por lavagem de dinheiro.

  • Tags: